Páginas

sexta-feira, 6 de dezembro de 2013

[Screencap] Closer - Alice

Preparem-se porque ainda vou postar muitos screencaps e quotes de Closer por aqui. Além de ser um dos meus filmes favoritos (e que me inspira muito), ele é uma verdadeira coleção de belas cenas e ótimos diálogos ;)

Não tem como não amar Alice, a personagem de Natalie Portman em Closer. E com todo respeito ao seu Oscar ganho - digna e merecidamente - por Cisne Negro (aliás, a única coisa realmente boa desse pretensioso e previsível filme é a atuação de Portman), essa é, certamente, a melhor performance da atriz, em minha obscura opinião. Sua entrega apaixonada ao papel é admirável. Para se guardar na memória. Ela compôs uma personagem com tantas nuances, tantas sutilezas, que impressiona. E surpreende. Melancólica, sincera, atrevida, jogadora. Inesquecível. Você pode até não gostar de Closer, mas não tem como passar batido por Alice sem se encantar nem que seja um pouquinho. Nesse ponto, a identificação com o personagem de Jude Law, na sequencia que abre o filme, é instantânea. Ela hipnotiza aquele, até então, simples transeunte a ponto de, mesmo sem conhecê-la, ele correr para socorrê-la quando ela sofre um pequeno acidente na rua, como se ela fosse alguém com quem ele se importasse há séculos. Apenas para que ela o corresponda com a frase "Olá, estranho!" tão hipnótica quanto sua primeira aparição na tela.Tão inesperada quanto o desfecho da personagem.

É uma mentira. É um bando de estranhos fotografados lindamente, e todos os brilhantes idiotas que apreciam arte dizem que é lindo, porque é isso que eles querem ver. Mas as pessoas nas fotos estão tristes e sozinhas. Mas as fotos fazem o mundo parecer bonito... Então a exibição é reconfortante, o que a torna uma mentira. E todo mundo ama uma grande mentira.


Nenhum comentário:

Postar um comentário